As diretrizes que serão adotadas para modernização das relações aduaneiras*

Instituto de Comércio Internacional



As importações brasileiras quadruplicaram na última década, chegando a 400 bilhões de dólares em 2010, mas a estrutura aduaneira do Brasil e a preparação dos operadores econômicos (importadores e exportadores) pouco evoluiu.


A modernização da aduana brasileira, seguindo os padrões internacionais, é um compromisso assumido pelo nosso país e um requisito necessário para aumento dos fluxos de comércio internacional do Brasil.


O Seminário Internacional Customs Compliance tem como objetivo abordar temas técnicos de interesse aduaneiro, analisando o panorama atual e os novos rumos aduaneiros mundiais projetados, que consistem nos seguintes fatores:

  • Acordos internacionais de comércio;
  • Forte aumento dos fluxos de importação;
  • Monitoramento de segurança de carga;
  • Busca da regularidade aduaneira; e
  • Combate à corrupção nas operações de comércio internacional


Para que as empresas possam acompanhar as alterações que estão sendo promovidas – não sendo surpreendidas pelas mesmas –, é necessário o conhecimento dos pilares que orientam os novos programas governamentais em implantação no Brasil. Esses padrões são estabelecidos por normas e entendimentos internacionais no âmbito de Organizações Multilaterais (OMC, OMA, UNCTAD e OCDE).


Com expositores brasileiros e estrangeiros escolhidos de forma a criar equilíbrio entre as experiências da indústria, prestadores de serviços e acadêmicos, o evento é uma grande oportunidade para busca das melhores práticas.


Aproveite essa oportunidade exclusiva para participar de um evento de alto nível inédito no Brasil. Contamos com a sua presença!

 

 



* Este texto é parte do programa do 1º Seminário Internacional Customs Compliance – Novos Rumos Aduaneiros, promovido pelo ICI – Instituto de Comércio Internacional, publicado em http://www.customscompliance.com.br/pdf/programacao_customscompliance.pdf